O papel das VPNs na segurança cibernética corporativa de hoje

O papel das VPNs na segurança cibernética corporativa de hoje

Autor:

Fato verificado e verificado

Data de publicação: 23 de outubro de 2022

O papel das VPNs na segurança cibernética corporativa de hoje

As VPNs estão desempenhando um papel cada vez maior na segurança cibernética de nível empresarial. Essas redes são usadas para criar uma conexão segura e criptografada entre o dispositivo de um usuário e uma rede ou servidor remoto. Isso fornece dois benefícios principais para proteger os dados corporativos.

TLDR: VPNs são um componente vital da empresa proteção de segurança cibernética, ajudando a manter os dados da empresa seguros e protegidos contra acesso não autorizado. Eles fornecem uma camada extra de defesa contra ataques mal-intencionados, além de dificultar a interceptação ou espionagem dos dados transmitidos pelos invasores.

Criptografia de alto nível

As VPNs tornam muito mais difícil para os hackers interceptar e espionar os dados transmitidos. Eles usam métodos de criptografia poderosos para proteger os dados e impedir o acesso não autorizado, tornando mais difícil para os invasores interceptar ou roubar informações por meio de uma conexão de rede.

As VPNs são essencialmente projetadas para proteger redes utilizando criptografia de alta qualidade.

Assim, garantindo que os dados transmitidos por uma rede possam ser protegidos e não sejam interceptados por agentes mal-intencionados.

Existem três maneiras principais pelas quais as VPNs fornecem esse nível de proteção:

  1. Eles usam protocolos de segurança fortes como AES-256 ou AES-128 para fornecer criptografia forte.
  2. Eles usam protocolos de tunelamento seguro como IPSec ou SSL/TLS para transmitir com segurança pacotes de dados através de uma rede.
  3. Eles empregam controles de acesso rígidos e medidas de autenticação para limitar quem pode acessar a rede e o que eles podem fazer enquanto estiverem conectados.

Ao usar esses métodos, as VPNs ajudam a garantir que as informações confidenciais permaneçam confidenciais e não possam ser comprometidas por hackers ou outros agentes mal-intencionados.

gráfico de criptografia

Pontos de entrada de camadas

As VPNs aumentam ainda mais a segurança da rede corporativa criando uma camada adicional que deve ser violada para obter acesso. (VPNs são projetadas para proteger redes colocando pontos de entrada em camadas ou pontos onde os usuários podem se conectar à rede). 

Isso ajuda a evitar que ataques entrem por outros pontos de entrada, como software vulnerável ou dispositivos de rede.

A criptografia de tráfego é pertinente aqui novamente para proteger o tráfego entre o dispositivo do usuário e o servidor VPN, evitando assim que terceiros mal-intencionados interceptem e leiam informações confidenciais à medida que trafegam pelas redes.

Outro lugar para olhar é o firewall. o melhores VPNs geralmente usam um firewall para filtrar o tráfego de entrada e saída, garantindo que apenas usuários e dispositivos autorizados possam acessar a rede. Essa camada é passada para qualquer rede corporativa que a esteja usando.

Uma camada adicional e frequentemente negligenciada é a autenticação de dois fatores. As VPNs normalmente usam autenticação de dois fatores para garantir que apenas usuários autorizados possam acessar dados restritos. Essas três estratégias funcionam juntas para proteger as redes, colocando pontos de entrada em camadas e garantindo que apenas usuários autorizados possam se conectar.

entrada em camadas

Importância inegável da tecnologia VPN

As VPNs são uma ferramenta essencial para proteger as redes, colocando pontos de entrada em camadas e impedindo o acesso não autorizado. Sua criptografia, firewalls e autenticação de dois fatores ajudam a proteger dados confidenciais e impedir que agentes mal-intencionados obtenham acesso a sistemas e informações essenciais.

Embora a segurança cibernética em nível empresarial seja muito multifacetada e inclua muitos recursos, ferramentas e tecnologias diferentes para desenvolver uma resposta robusta a ataques, é inegável que a tecnologia VPN que temos hoje é um componente essencial de um arsenal de segurança cibernética.